Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Mundo dos Queijos

Um mundo derretido ou fresco, inteiro ou as fatias suíço, francês ou até português. À entrada, como sobremesa ou até mesmo no prato principal. Neste mundo, come-se de tudo!

O Mundo dos Queijos

Um mundo derretido ou fresco, inteiro ou as fatias suíço, francês ou até português. À entrada, como sobremesa ou até mesmo no prato principal. Neste mundo, come-se de tudo!

Posso pedir mais alguma para 2016?

por omundodosqueijos, em 31.12.15

2015 foi um ano duro, grande e cansativo. Mas tão, tão, tão bom, que deixa-me muito pouco para desejar nos anos que se seguem. 

Saúde, amor e os meus! Parece um resumo simplista, mas apenas aquilo de que preciso. Tudo o resto são acessórios, mais ou menos dispendiosos, mas acessórios. E eu tive tudo isto em 2015. E tudo isto que quero para 2016. E 2017. E 2018 ....

Mas 2015 foi mágico. Foi o ano tão desejado. Foi o ano em que nos mudamos finalmente para a casinha. Foi o ano em que a bola de pêlo mais gira do mundo entrou na minha vida. 

Tive as férias que há muito desejava, aluguei um veleiro e parti praias foras. Fiz festas dentro e fora do veleiro, conheci sítios de difícil acesso para os turistas "tradicionais", nadei até dizer: pronto se calhar já chega. 

O maior-da-minha-aldeia acabou finalmente o MBA. Eu comecei o meu master executivo (e estou adorar). 

2016 anda daí. Espero-te com desejos e sonhos novos. 

 

Site Meter

E é assim que vão saber os próximos 4 dias!

por omundodosqueijos, em 30.12.15

Sem Título.png

 

Site Meter

As cores do próximo ano

por omundodosqueijos, em 30.12.15

cores.jpg

 

(imagem do Pinterest) 

Site Meter

A loucura dos Saldos!

por omundodosqueijos, em 30.12.15

saldos.jpg

 

Ir a uma loja por esta altura é o equivalente a fazer uma visita guiada à feira de Espinho (e eu que já não ponho os pés na feira à mais de duas decadas, garantidamente). Não existe coerência nos expositores e as mesas têm mais roupa em monte que o Evereste têm neve. 

Eu sou assumidamente fã das compras online. Comecei e agora é um não-mais-parar. Para mal dos meus pecados, está claro.

Online temos todas as peças, todos os tamanhos, todos os pormenores, não temos pessoas, não temos confusões, não temos as meninas das lojas a perguntar: Precisa de alguma coisa? Tem inúmeras vantagens. Contudo têm uma única desvantagem. Se ainda não se conhece a peça, a sensação do toque e ver como fica no nosso corpo, a experiência fica-se pela imaginação. Mas pasmem-se. Nas compras online é possível trocar. Pelo que, entre ter de ir a uma loja procurar a peça que mais gostamos e experimentar e trazer ou comprar online experimentar e trocar, eu escolho a segunda. É bem verdade que a segunda têm um delay de alguns dias. Mas ainda assim, eu escolho-a e de bom grado.

Ontem como bom primeiro dia oficial de saldos (sem ser oficial, porque já não há destas coisas boas), eu gaja que sou, fui às compras. Já tinha namorado as peças que queria, sobretudo na Zara à muito tempo, tinha feito a minha seleção e ponderação, muitas delas já às tinha experimentado em loja, e logo na primeira hora, foi só abrir a aplicação no Ipad, selecionar, encher o carrinho e seguir com as compras até ao pagamento. Agora é esperar dois dias e ter as compras no conforto do lar. Maravilhas do mundo moderno. Sem confusões, chatices, suores e outras coisas más. 

Ainda assim, por motivos de força maior, fui forçada no final do dia de ontem a entrar num centro comercial. Tinha um jantar em casa de uns amigos e precisava de algumas coisinhas. Pelo que depois de tratar de tudo, sobrou-me uns minutinhos e decidi aproveitar os mesmos sadicamente para visitar as lojas onde nessa mesma madrugada tinha ido fazer as minhas compras. Sendo que a primeira que visitei foi mesmo a Zara. Foi no marshopping, à partida um centro comercial mais calminho que os restantes da grande área metropolitana do Porto. E amigas, o que vi parece surreal. Até os ciganos da feira de espinho tinham as coisas mais bem organizadas. Por mim, passaram duas empregadas que carregavam mais roupa do que camião da Luís Simões acabado de sair do entreposto do Carregado. O olhar vermelho de sofrimento e cansaço. As pessoas (muitas espanholas) a discutir por um par de botins, camisolas e agarradas a vestidos tamanhos únicos. Fiquei-me pelo átrio da loja. Com os olhos contornei todos os recantos e garanto-vos, poderia ter passado lá duas horas há procura de uma das 4 peças que comprei e garantidamente não as ia encontrar. Mesmo não estando lá, seria mais fácil encontrar o Wally. Bendito sejais Saldos desta vida, mais mais bendito sejais, comércio online. E é tudo por agora.

Site Meter

Ainda sobre o natal!

por omundodosqueijos, em 29.12.15

Eu adoro o natal! Pronto. 

Podia fica por aqui que ficava bem, mas vou acrescentar que natal para mim, além de família, amor e coisas boas e blá blá blá, é também decoração.

Paro para apreciar uma bonita árvore de natal, adoro decoração de natal, gosto do vermelho. Gosto das luzinhas. Gosto das cores, dos presentes debaixo da árvore. E desde que a casa estava em construção, que imaginei a altura de natal, a decoração que seria viável. E principalmente à arvore. A minha árvore de natal. Adoro as grandes e rechonchudas, em suma, gosto das gordas, enfim. Foi por isso, que estando já a casa pronta, sendo o primeiro natal, a busca pela árvore perfeita não foi nada fácil. A ajudar, o curso e o trabalho e tudo e tudo e tudo que me levou todo o tempo que de livre nada têm. Ainda assim, lá a encontrei. Em bem verdade já a tinha debaixo de olho desde o ano passado. Ocupava metade da entrada da loja Área do Norteshopping. E eu disse: É esta. E foi. Têm 3 metros de altura e espaço para muita mas mesmo muita decoração. Com tudo a acontecer não a enchi como merece. Mas ainda assim, deixa-me embasbacada sempre que para ela olho, só por isso, só a tenciono desmontar daqui a muitos meses (e isso, e porque desmontar este bicho vai dar cá uma dor de cabeça). Este ano foi assim, para o ano há mais.

IMG_4424_Fotor_Collage.jpg

 

Site Meter

Mas que merda é esta?

por omundodosqueijos, em 29.12.15

Quem foi a anormalidade que levou a votação o fim do piropo? E o que passou pela cabeça dos marmanjos que estão sentados no parlamento para seguirem no engodo de que o piropo acarreta mal-estar?

Não há coisa melhor do que ir passar por umas obras e ouvir um piropozinho. Claro está que a cara que se faz é sempre de durona e até ofendida, mas lá por dentro esboçamos um sorriso. É que tem dias, que o único elogio ou coisa boa que ouvimos, é desta malta que se encontra pendurada em andaimes.

É tradição matar toiros em arenas. E não é tradição trolha que é trolha lançar piropo? É tradição a calçada portuguesa que tantas vezes nos faz (a nós mulheres) caminhar de forma estranha e não é tradição um poema vindo de um qualquer homem de manga cabeada e crucifixo ao pescoço? Ora bolas.

E eles? Já não chega andarem feitos macaquinhos o dia inteiro, faça chuva ou sol, pendurados em ferros com a azafama do dia à dia passarem-lhe aos pés diariamente e terem de conter e até mesmo engolir qualquer tipo de interação com o mundo. Quem pensa neles?

Vamos lá voltar atrás nessa decisão parva que cá para mim, só pode ter vindo de um qualquer homossexual que se sente sempre excluído desta tão tradicional forma de contacto por parte deste segmento da população. Isso ou das gordas e feias que se passeiam com amigas giras e boas.

O que vem a seguir? O fim dos pregões nos mercados? 

 

 

transferir.jpg

 

Site Meter

Miúda dos 7 ofícios

por omundodosqueijos, em 28.12.15

E porque já no existem empregos para toda a vida, é preciso ter jeitinho para várias coisas, este ano decidi eu mesma embrulhar os meus presentes. Ok, nem tudo é verdade, mas as filas para os embrulhos assustaram-me e rapidamente fizeram-me voltar para trás, comprar um rolo de papel e fita. Mal cheguei a casa, coloquei tudo no lugar e pensei para mim mesma, um destes dias tenho de embrulhar os presentes. Os dias foram passando e a vontade foi desaparecendo. Até que quase na véspera de natal, porque não havia muito mais alternativa, arregacei as mangas e fiz-me á obra. Peguei no tablet e através do youtube pesquisei várias formas de fazer embrulhos. Descobri que existem verdadeiras obras de arte. Eis as minhas: 

IMG_4311.JPGIMG_4313.JPG

 

IMG_4312.JPG

 

 

 

Site Meter

E porque estamos em semana de fim de ano!

por omundodosqueijos, em 28.12.15

look new year.jpg

 

 

(imagem Pinterest)

 

E porque é a semana em que já se pensa nos looks da passagem de ano. Aqui fica uma sugestão, brilhante como a noite pede. 

Site Meter

Filme de fim-de-semana # 72

por omundodosqueijos, em 28.12.15

IMG_4371 2.JPG 

Primeiro apontamento sobre o filme, não vale o 3D 3 muito menos as salas especiais tipo Imax. Não vale! Tirando a parte inicial, todo o filme se passa apenas a duas dimensões. E aqui fica o apontamento para melhorarem. Quanto ao Star Wars propriamente dito, não sendo eu, uma fã, tenho a dizer que esperava um mau filme, como em qualquer episódio 7 de uma sequela. E não foi o que aconteceu. Até considerei um bom filme. Se existem personagens como por exemplo a Princesa Leia que foi repescada e não aproveitada da melhor forma, é bem verdade. Ainda assim e apesar de ter visto o filme no dia de natal em que pipocas era tudo aquilo que não me apetecia, eu daria 4 Pipocas a este filme. Vão ver, criaturas, vão ver. 

 

 

Site Meter

A minha semana no instagram #51

por omundodosqueijos, em 27.12.15

Captura de ecrã 2015-12-27, às 22_Fotor_Collage.

Foi sem sombra de dúvida uma semana espetacular. Começou por não ter uma daquelas segundas-feiras más (Ah espera! Vai se ver e eu estava de férias). Também porque o maior-da-minha-aldeia acabou finalmente o MBA (o maior portanto). Também foi a semana em que mais quilómetros percorri a corri, se as contas não me falham foram mais de 30. Foi natal. O primeiro natal na casa nova. E como em natal que se preze, foi também dia de ir ao cinema (tradição da tarde de 25 de Dezembro). E desta vez fomos ver o Star Wars a 3D numa sala Imax. Se por mim todas as semanas poderiam ser assim? Oh se podiam. 

Site Meter

Blogs Portugal

Pág. 1/5

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Favoritos